Abordagem do gerenciamento de resíduos de serviços de saúde em drogarias e farmácias de manipulação em cidade de pequeno porte da região sul do Brasil

Leila Dal Moro, Adalberto Pandolfo, Marcele Salles Martins, Aline Pimentel Gomes, Laércio Stolfo Maculan

Resumo


O presente trabalho aborda a problemática dos resíduos de serviços de saúde (RSS) gerados nas drogarias e farmácias de manipulação em uma cidade de pequeno porte do sul do Brasil, o gerenciamento desses resíduos visa à minimização dos impactos ambientais causados pelos materiais utilizados nos serviços da área da saúde descartados incorretamente no meio ambiente como, por exemplo, seringas e agulhas. Uma das principais causas do crescimento progressivo dos resíduos desses estabelecimentos é o uso contínuo e crescente de materiais descartáveis, que podem, com maior ou menor intensidade, causar a contaminação da qualidade da água e gerar poluição. O objetivo do estudo foi apresentar a situação do processo de gerenciamento dos RSS nas drogarias e farmácias de manipulação na cidade em estudo, relacionando à legislação vigente. As informações foram coletadas sob a forma de entrevistas e preenchimento de um questionário. Os resultados mostram em relação à quantidade de resíduos que a maioria das empresas geram aproximadamente 15 litros/mês, sendo compostos por: medicamentos vencidos, material injetável, frascos danificados, EPi´s e resíduos de matéria prima. Foi observado o perfil das empresas, acerca dos procedimentos adotados quanto à disposição final, segregação, treinamentos oferecidos aos colaboradores, a quantificação dos acidentes envolvendo os resíduos e a presença de plano de gerenciamento de resíduos.

Palavras-chave


Geração de resíduos. Minimização de impactos ambientais. Processo de gerenciamento.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14295/holos.v17i1.11478

Creative Commons License
HOLOS ENVIRONMENT, Rio Claro, SP, Brasil - - - eISSN (eletrônico): 1519-8634 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons

> > > > >
 




Filiado ao Portal de Periódicos CAPES



Filiada à Associação Brasileira de Editores Científicos a partir de 2010

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia