Vulnerabilidade ambiental em áreas de caatingas na unidade de conservação parna do Catimbau, Pernambuco, semiárido brasileiro

Ana Célia Saraiva de Moura Garcia, Luana Cardoso de Andrade, Adiel Felipe da Silva Cruz, Albert Einstein Spíndola Saraiva de Moura, Patricio Rinaldo dos Santos

Resumo


O Parque Nacional do Catimbau é uma unidade de conservação integral muito importante na conservação da biodiversidade do bioma Caatinga. Estando situado na região semiárida de Pernambuco, na zona de transição entre o agreste e sertão, o parque comporta excessiva beleza de caatingas, monumentos esculpidos pela ação erosiva dos ventos em rocha arenítica e diversos sítios arqueológicos. Sabendo-se que o Parna do Catimbau constitui áreas de prioridade alta de conservação devido à susceptibilidade a desertificação, essa pesquisa teve como foco avaliar a vulnerabilidade das caatingas presentes nesta unidade de conservação. A metodologia utilizada contou com a aplicação do índice de vegetação ajustado ao solo (IVAS), sensoriamento remoto termal e visita em campo que permitiu a análise da espacialização das imagens orbitais, dos satélites Landsat 5 e 8 nos anos de 1995, 2006 e 2016. Os resultados mostraram aumento térmico nas áreas de caatingas e impactos ambientais ocasionados pela antropização de suas áreas. A antropização das caatingas no interior do Parna do Catimbau fere a Lei 9.985/00, que institui o Sistema Nacional de Unidades de Conservação (SNUC) e define as atribuições de uma unidade de conservação de uso integral. Sendo necessário para essa UC o alinhamento de sua gestão com o SNUC e a implantação de espaços de aprendizagem para disseminação da educação ambiental à população dos municípios que a integram.


Palavras-chave


Gestão ambiental. Educação ambiental. Sustentabilidade. Temperatura superficial.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/holos.v20i4.12402

Creative Commons License
HOLOS ENVIRONMENT, Rio Claro, SP, Brasil - - - eISSN (eletrônico): 1519-8634 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons

> > > > >
 




Filiado ao Portal de Periódicos CAPES



Filiada à Associação Brasileira de Editores Científicos a partir de 2010

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia