AVALIAÇÃO DOS PARÂMETROS DO ÍNDICE DE QUALIDADE DE ÁGUA SEGUNDO O MODELO ESTATÍSTICO ARIMA

Dilza Aparecida Nalin de Oliveira Leite, Márcio Antonio Gomes Ramos, Débora Robert de Godói, Adriano Pinto Mariano, Antonio Carlos Simões Pião, Dejanira Franceschi de Angelis

Resumo


A análise de tendência em série é uma importante ferramenta para diferentes setores, tais como a comunidade científica, indústrias e agências de proteção ambiental que podem avaliar a variabilidade de um parâmetro específico no tempo, constituindo uma parte relevante da informação para o estabelecimento de ações corretivas e preventivas, quando as cargas poluidoras provem de pontos específicos. Este trabalho apresenta modelo de séries temporais dos principais parâmetros físicos, químicos e biológicos do Índice de Qualidade de Água (IQA) comparando-se água do Rio Jaguarí – Classe II e do Rio Atibaia montante e jusante da recepção de efluente industrial, durante o período de maio de 2006 a agosto de 2010. O modelo estatístico Arima possibilitou melhor entendimento dos parâmetros físicos, químicos e biológicos que influenciaram de forma mais evidente o IQA. O modelo ARIMA permitiu avaliar a tendência dos diversos parâmetros utilizados no calculo do IQA, evidenciando que os dados de oxigênio dissolvido, turbidez, nitrogênio total e coliformes E. coli estiveram altamente correlacionados e representaram os parâmetros que causaram as variações do índice ao longo do tempo.

Palavras-chave


Rio Atibaia; Séries temporais; Índice de qualidade de água

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14295/holos.v13i1.4641

Creative Commons License
HOLOS ENVIRONMENT, Rio Claro, SP, Brasil - - - eISSN (eletrônico): 1519-8634 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons

> > > > >
 




Filiado ao Portal de Periódicos CAPES



Filiada à Associação Brasileira de Editores Científicos a partir de 2010

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia