Estimativa da concentração de sedimentos em suspensão por meio de um velocímetro acústico doppler

Helenesio Carlos Cabral, Daniela Guzzon Sanagiotto, João Batista Dias de Paiva

Resumo


A avaliação da concentração de sedimentos em suspensão (CSS) ainda representa uma tarefa desafiadora, associada a processos experimentais compostos por várias etapas. Este trabalho busca contribuir na avaliação do potencial de uso do velocímetro acústico Doppler (ADV) para quantificar concentração de sedimentos em suspensão. Este equipamento pode representar uma alternativa mais rápida e econômica para a avaliação de CSS. Também se busca verificar a sensibilidade do equipamento na distinção de partículas de diferentes dimensões. Para tanto, desenvolveu-se um sistema de medição em laboratório, caracterizado por um recipiente de forma cilíndrica de 30 cm de diâmetro e 30 cm de altura, conectado a um sistema de bombeamento. Este sistema permitiu a mistura e homogeneização de diferentes proporções de água+solo, gerando amostras de características conhecidas, para posterior avaliação com o ADV. Realizaram-se ensaios com amostras com oito CSS e cinco faixas granulométricas de cinco tipos de solo, totalizando 200 configurações testadas. Para cada teste coletaram-se três amostras, totalizando 600 ensaios. Para visualização dos dados e pós processamento, utilizou-se o programa WinADV, aplicando o filtro PSTM. Os resultados obtidos apontaram o aumento do SNR (relação sinal-ruído) obtido com o ADV com o acréscimo da CSS para os diferentes tipos de solo para as cinco granulometrias, tendo as melhores correlações entre o eco e a CSS nos ensaios com os solos 2, 3 e 4. Para as condições testadas a faixa granulométrica não interferiu nas leituras do ADV. Esse estudo demonstra que há boas perspectivas para a utilização do ADV para a quantificação da CSS, mas ressalta a importância de estudos complementares.

Palavras-chave


Sedimentos em suspensão. Granulometria. Relação sinal/ruído.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.14295/holos.v19i3.11241

Creative Commons License
HOLOS ENVIRONMENT, Rio Claro, SP, Brasil - - - eISSN (eletrônico): 1519-8634 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons

> > > > >
 




Filiado ao Portal de Periódicos CAPES



Filiada à Associação Brasileira de Editores Científicos a partir de 2010

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia