ESPECIAÇÃO DE SN/TBT EM SOLO USANDO DET, DILUIÇÃO ISOTÓPICA ESPECIFICA E LC-ICP-MS

Jorge Henrique Pedrobom

Resumo


Com o desenvolvimento de novas tintas anti-incustantes para proteção de cascos de navios e a síntese de novos biocidas, a produção anual de compostos organoestanosos, tais como, monobutilestanho (MBT), dibutilestanho (DBT), tributilestanho (TBT) e trifenilestanho (TPhT) aumentou de 1500 para 50000 toneladas nos últimos 30 anos. A utilização destas tintas em embarcações favorece o acúmulo desses compostos nos sedimentos próximos às regiões portuárias. Uma vez depositados no sedimento, estes compostos apresentam grande estabilidade. O efeito biológico causado pelo TBT em moluscos marinhos é conhecido como masculinização do órgão sexual feminino. Levando em consideração o potencial acumulativo do TBT nos sedimentos de regiões portuárias e os seus efeitos biológicos, em 1987 o Departamento de Meio Ambiente Britânico proibiu a utilização de tintas antincrustrantes à base de TBT em embarcações menores que 25 metros. A concentração limite de compostos organoestanosos em ambientes aquáticos também foi reduzida para 2ng/L. A técnica DET (do inglês diffusive equilibrium in thin films) foi proposta em 1991 por Davison, Grime, Morgan e Clarke para amostragem passiva, in situ a partir do equilíbrio entre os metais dissolvidos em água intersticial do solo e/ou sedimento e um gel. O dispositivo DET possui fino hidrogel (tipicamente 0,4 ou 0,8 milimetros) no seu interior, o qual é coberto por uma membrana filtrante. Uma vez instalado o dispositivo in situ no local de amostragem, espécies dissolvidas irão migrar através do hidrogel por meio de difusão molecular, até que o equilíbrio entre solução e higrodel seja atingido. A partir da 1ª lei de Fick, é possível medir a concentração de soluto na interface sedimento-água Neste sentido, a DET tem sido amplamente utilizada para verificar a distribuição de NO3 , SO4 Fe e Mn e identificar padrões químicos e reações de equilíbrio redox ao longo de perfis verticais de sedimento. Dessa forma, o presente trabalho tem como objetivo avaliar o potencial uso da técnica DET como ferramenta para o estudo de especiação de Sn e TBT em solo e/ou sedimento a partir do uso de diluição isotópica. Como resultados presume- se que as espécies MBT, DBT e TBT enriquecidos em 118Sn serão difusas do gel para o solo/sedimento e espécies organoestanosas com abundancia natural de Sn, as quais estão presente no ambiente em estudo, serão difusas do solo/sedimento para o gel, assim pretende-se observar variabilidade isotópica na DET. Através de cálculos de diluição isotópica e DET será possível inferir a concentração de MBT, DBT e TBT presente no ambiente em estudo. A técnica ainda não foi avaliada com este enfoque, também não tendo sido aplicada com este intuito em âmbito nacional e internacional.

Texto completo:

PDF


Creative Commons License
HOLOS ENVIRONMENT, Rio Claro, SP, Brasil - - - eISSN (eletrônico): 1519-8634 - - - está licenciada sob Licença Creative Commons

> > > > >
 




Filiado ao Portal de Periódicos CAPES



Filiada à Associação Brasileira de Editores Científicos a partir de 2010

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia